«A morte é um dia que vale a pena viver», Ana Claudia Quintana Arantes

Por Catarina Bouca , 16 de Julho de 2019 Idosos

A morte e tudo o que gira à volta deste tema que a sociedade insiste em evitar é o que Ana Claudia Quintana Arantes explora no seu recente livro «A morte é um dia que vale a pena viver». Geriatra e especialista em Cuidados Paliativos, a médica brasileira relata a vivência da morte por parte de quem está a morrer, da sua família e amigos, dos cuidadores, da comunidade médica e da sociedade.
O Lares Online entrevistou Ana Claudia para saber mais. Veja aqui!

Ler mais

O que os idosos nos contam sobre o amor

Por Catarina Bouca , 02 de Julho de 2019 Idosos

​A verdade é que os idosos têm necessidade de amar como qualquer um de nós e também podemos aprender com eles muito sobre o amor em geral, e o romântico em particular, já que as pessoas mais velhas são um valioso recipiente de sabedoria e experiência.
De conversas com idosos londrinos a uma visita feita à Residência para idosos A Casa Azul, o Lares Online elencou alguns pontos importantes sobre o amor. Saiba mais!

Ler mais

6 Directores Técnicos para se inspirar

Por Catarina Bouca , 28 de Maio de 2019 Profissionais

O bom funcionamento de uma residência para idosos reside numa direcção técnica competente. Estes profissionais suportam grande responsabilidade, já que está a seu cargo toda a gestão diária do equipamento. Além disso, são os directores técnicos que comunicam com os familiares dos idosos, fazendo a apresentação inicial da residência e, numa fase seguinte, trabalhando o idoso em conjunto com a família.

Conheça o que pensam 6 directores técnicos do nosso país sobre a profissão que exercem: os principais desafios que enfrentam, as áreas que mais os fascinam e as inovações que procuram introduzir no quotidiano das residências para idosos. 

Ler mais

Conheça as várias práticas de abuso financeiro contra os idosos

Por Catarina Bouca , 30 de Abril de 2019 Idosos


​A violência financeira contra pessoas da terceira idade é uma realidade bem mais frequente do que possamos imaginar. Muitas vezes, este tipo de abuso não chega a ser denunciado porque o idoso não se apercebe de que está a ser enganado, ou não sabe onde se dirigir para denunciar a situação ou simplesmente porque, devido ao isolamento a que não raras as vezes a população sénior está confinada, não existem terceiros à volta que tenham conhecimento do caso e que possam apresentar queixa.

Ler mais

Ao visitar o nosso site, aceita os cookies que usamos para melhorar a sua experiência de navegação. Pode ler a nossa politica de privacidade e cookies.

Ajuda?


Para saber preços e vagas?

Ligue 939 667 800