Razões fortes para não adiar a procura por lar de idosos

Por Mariana Camargo , 29 de Agosto de 2022 Lares e Residências

É muito comum, nas famílias de idosos que já perceberam que eles precisam de ajuda, haver alguma demora para iniciar a procura por um lar. Seja porque estão com receio do que outras pessoas dirão, ou porque o idoso diz que quer ficar em sua casa e não aceita a ida para um lar, ou ainda porque pode ser desconfortável tomar este tipo de decisões pelos nossos pais.

Neste artigo, a Lares Online apresenta a famílias e idosos as razões para parar de adiar a procura por lares. Conheça os pontos que devem fazer parte da pesquisa, e a importância de ter tempo para encontrar um lar de acordo com o que procura e precisa.



Pode não haver lares com vaga perto de si


Apesar de existir cada vez maior variedade de lares, com serviços e filosofias diferenciadas, estes ainda são muito menos que os necessários para a população idosa em Portugal. Como pode imaginar, os lares que apresentam mais serviços são mais procurados e podem mesmo ter lista de espera. Se o objetivo da família é encontrar um lar ideal, é importante não procurar à pressa, e dar tempo de fazer inscrições.


Se tiver pressa, a família poderá não encontrar vaga nos lares que mais lhe interessam, e o idoso sairá prejudicado.


Com isso, familiares e idosos devem ter sempre em mente que pode ser necessário algum tempo para conseguir encontrar o lar ideal. Mas, com uma escolha feita sem pressa, não é necessário ter receios na escolha de um lar. Isso porque lares de idosos e familiares estão sempre a trabalhar juntos pela saúde e qualidade de vida dos idosos que tem os lares como morada.



No limite, pode fazer uma má escolha


Muitas famílias podem adiar a procura por um lar com a insegurança que nessas instituições o seu familiar não tenha os mesmos cuidados que teria em casa. E a verdade é que, em lares de idosos de qualidade, os residentes são assistidos por uma equipa multidisciplinar, que está sempre pronta para amparar em qualquer circunstância. Mas os idosos por vezes precisam de serviços especializados, como fisioterapia ou enfermagem diária.


Numa procura precipitada, a família poderá ter de optar por um lar sem serviços essenciais para o bem-estar do idoso, por falta de outra opção em tempo útil.



Para além dos próprios serviços, a primeira impressão de um lar é crucial. Se a família ou o idoso não tiverem uma boa impressão das instalações e profissionais, será complicado haver uma boa relação de futuro. Um lar não adequado pode causar uma má adaptação e insatisfação do idoso, ou também ter custos fora do orçamento que a família dispõe.



A situação do idoso pode deteriorar-se


Quando um idoso começa a demonstrar que precisa de ajuda, os familiares devem estar sempre atentos. Podem ocorrer acidentes, momentos traumáticos ou um internamento hospitalar, por exemplo. Estes fenómenos acabam por piorar o seu estado de saúde, fazendo com que a família tenha de tomar decisões à pressa após o momento de alta, visto que manter os cuidados em casa torna-se inviável e perigoso.


Podem ocorrer acidentes, momentos traumáticos ou uma intervenção hospitalar, que torna mais dificil a transição para lar do idoso mais debilitado.



Como podemos imaginar, quando os familiares fazem decisões pressionadas, há grandes probabilidades de não terem tempo de chegarem às melhores escolhas, de acordo com as suas necessidades. Assim, existe um grande risco de ficarem insatisfeitos com o lar no futuro. Por isso, ao fazer uma pesquisa com tempo, os familiares poderão encontrar um lar com que se sentem confortáveis e que darão aos idosos todos os cuidados e auxílio necessários.



A procura de lar envolve tempo e pesquisa


Lares de idosos diferem entre si, e durante a sua pesquisa é importante procurar por aquilo que se encaixa melhor nas necessidades do idoso e da sua família. Isso é especialmente importante porque os idosos não se adaptam em todos os lares da mesma forma. Pretende-se que esta seja a nova casa do idoso, e que ele se sinta bem lá.


Apesar de reconhecermos que não é fácil, é importante salientar que a procura de lar, para que seja bem feita e preze acima de tudo o bem estar do idoso, demora algum tempo. 



​Isso porque deve ser feito um levantamento das necessidades, gostos e desejos do idoso e da família. Para que sejam consultadas várias instituições e assim possam ser vistas várias possibilidades, com visitas presenciais e conversas com profissionais. Apenas assim pode ser tomada uma decisão ponderada, para bem do idoso. Para encontrar o lar que mais faz sentido, é necessário comparar alguns tópicos entre dois ou mais lares:

A localização

Um ponto importante para que a família possa visitar o seu familiar idoso quando quiser. Além de ter que levar em conta os gostos do idoso: há quem goste de lares mais afastados da cidade, e outros que necessitam de estar perto de tudo e poder sair para um passeio ou café. 


Os diretores técnicos

Antes de escolher um lar de idosos, deve-se também conhecer os diretores técnicos e perceber como eles trabalham no lar. Como é a comunicação entre o lar e a família? Se a família tiver dúvidas, estarão abertos para responder com a prontidão de que necessita? Diretores técnicos são a cara do lar, e eles são as pessoas que têm mais informações e poderão tirar as suas dúvidas quando elas surgirem, importa ter uma boa relação com eles.


A filosofia e abordagem

Este tópico é importante porque deve estar de acordo com o que a família acredita também. Há lares com abordagens mais técnicas, outras mais investidas na socialização, algumas com atividades intergeracionais, e outras apenas assistencialistas. Investigue como o lar pensa e se ele trata dos idosos que moram ali da maneira que o idoso e a sua família acreditam.


As instalações

Cada idoso tem necessidades diferentes, e por isso os lares costumam ter instalações que respondem a diversas demandas. O seu familiar preza a natureza? Assegure-se de que o lar tem espaço exterior. O seu familiar prefere estar sossegado a ler o seu livro? Opte por um lar com quartos individuais. Antes de escolher um lar, tenha certeza de que ele vai poder proporcionar ao seu familiar tudo aquilo que ele carece no momento.


Os serviços

Os serviços mudam muito dependendo do lar. Por exemplo, há lares com enfermagem 24 horas, para pessoas com mais necessidade de acompanhamento. Mas também há lares com enfermagem apenas alguns dias por semana, que darão perfeitamente para um idoso mais autónomo. Por isso tenha em mente aquilo que o seu familiar gosta e precisa, para que possa encontrar o lar mais adequado e onde a adaptação pode ser mais fácil para ele.



​​Procura lar para um familiar idoso? 

Submeta um pedido ou ligue 939 667 800.

Ao visitar o nosso site, aceita os cookies que usamos para melhorar a sua experiência de navegação. Pode ler a nossa politica de privacidade e cookies.

Ajuda?

Atendimento urgente (+ 351) 939 667 800