5 Benefícios do Yoga para seniores

Por Joana Marques , 20 de Janeiro de 2020 Envelhecimento


Inflamação, dor generalizada, problemas articulares, falta de equilíbrio, limitações físicas, doenças crónicas ou degenerativas, falta de autoestima e estados depressivos.

Estes são alguns exemplos de situações que afetam muitos idosos durante o processo de envelhecimento e que podem limitar a sua longevidade. Propomos neste artigo dar-lhe a conhecer alguns dos benefícios que a prática milenar do Yoga pode trazer para o bem-estar e saúde dos mais velhos.



O que é Yoga para seniores?

Atualmente, o Yoga está na moda. Existem cada vez mais pessoas a aderir a esta prática oriental pelos benefícios físicos e emocionais que lhe estão associados. No entanto, desengane-se quem pensa que o Yoga é só para os mais novos. Pode e deve ser praticado pelos mais idosos e há estudos que demonstram que quando praticado pelos mais velhos é uma forma de exercício para o corpo e para a mente muito eficaz e segura. 



Não existem posturas adequadas para os mais velhos, mas é necessário gerir o esforço e o tempo gasto em cada aula.



​Como em qualquer outro desporto, o objetivo é o bem-estar do idoso e não colocar em risco a sua saúde física ou agravar condições preexistentes.

​Pode ter um impacto significativo no aumento da força, flexibilidade e capacidade funcional dos seniores, ao mesmo tempo que contribui para a diminuição da ansiedade e de estados depressivos. É importante que os idosos pratiquem Yoga de forma adaptada (em cadeiras ou na água, por exemplo) e que sejam orientados por profissionais acreditados e habituados a lidar com o tipo de queixas físicas e psicológicas que se manifestam na terceira idade. 



5 Benefícios do Yoga para Seniores 

Um dos pilares do envelhecimento ativo é a prática de exercício físico. Quer uma vida longa e com qualidade? Mexa-se! Dependendo dos interesses e capacidades dos mais velhos, existem muitas opções para combater o sedentarismo, que representa um sério risco para a saúde. Passar muito tempo sentado ou inativo aumenta o risco do aparecimento de doenças cardiovasculares, obesidade, diabetes e, inclusivamente, do declínio das capacidades mentais. 


O Yoga é uma opção atrativa porque não requer a utilização de equipamento especializado e pode ser praticado em qualquer lugar, individualmente ou em grupo.



A prática de Yoga é apenas uma sugestão, mas os seniores também podem optar por dançar, fazer natação ou hidroginástica, treino personalizado ou uma simples caminhada. O importante é que o idoso pratique atividade física adequada à sua faixa etária, pois o exercício é um dos fatores que permite a manutenção de um estilo de vida mais independente e saudável durante mais tempo.



1 - Ajuda a manter a saúde e flexibilidade das articulações

Ao assentar em técnicas de fortalecimento e alongamento de toda as partes do corpo, o idoso pode beneficiar de um aumento da flexibilidade, o que lhe trará mais mobilidade e amplitude de movimentos. A prática de Yoga contribui igualmente para o fortalecimento e flexibilização da coluna vertebral e, consequentemente, a melhoria da circulação sanguínea e a manutenção de uma postura corporal correta.



2 - Promove o fortalecimento dos ossos e dos músculos

O Yoga usa a força do próprio corpo, pelo que tem todos os benefícios de um treino de força, mas é de baixo impacto para as articulações e menos suscetível de causar lesões.
Ossos e músculos mais fortes permitem que o idoso se sinta mais confiante e equilibrado nos seus membros, o que também contribui para a diminuição de quedas e reduz o risco de osteoporose, ao prevenir a perda de densidade óssea.



3 - Ajuda à perda de peso e à regulação do sistema gastro-intestinal

A partir dos 60 anos, a gordura corporal aumenta, pelo que para os idosos é fundamental a manutenção de um peso saudável. Mesmo que praticado de uma forma gentil e suave, a prática de yoga aumenta o ritmo cardíaco e potencia a queima de gordura acumulada. 
Além de regular o metabolismo, este tipo de atividade física é propícia à massagem dos órgãos viscerais, o que contribui para a melhoria das funções digestivas e do metabolismo.
Além disso, a filosofia do yoga estimula a adoção de um estilo de vida mais saudável e de uma dieta alimentar mais equilibrada.



4 - Regula a tensão arterial e o sono

O aumento da tensão arterial leva ao desenvolvimento de doenças cardiovasculares. Um dos efeitos imediatos da prática de yoga é a redução da pressão sanguínea e a oxigenação do sangue, decorrente dos exercícios respiratórios que acompanham a execução das posturas físicas.
Consequentemente, os níveis de ansiedade diminuem, o que pode proporcionar um sono biológico nocturno de qualidade e ajudar no combate às insónias.



5 - Incentiva a socialização

O yoga é normalmente praticado em grupo (embora o idoso possa ter sessões individuais quando existe um problema muito específico). Desse modo, frequentar aulas de yoga pode ser uma boa desculpa para que o idoso saia de casa e se misture com outras pessoas da sua faixa etária. É muito importante que os mais velhos passem tempo com outras pessoas, o que contribui para o combate à solidão e estimula a sensação de autoestima e felicidade.  



​​​Procura Lares e Residências para Idosos?

Saiba se há vagas disponíveis | Ligue 939 667 800

Ao visitar o nosso site, aceita os cookies que usamos para melhorar a sua experiência de navegação. Pode ler a nossa politica de privacidade e cookies.

Ajuda?


Para saber preços e vagas?

Ligue 939 667 800